Investimento em franquia: quais os riscos de não dar certo?

De modo geral, o investimento em franquia é muito mais seguro do que começar uma empresa própria. Afinal, a marca já tem força, estratégia e dá todo o apoio ao empresário para que o negócio decole.

No entanto, isso não significa que o modelo está totalmente fora de risco. Ainda que eles sejam muito menores, vale a pena ter cuidado para que as portas não sejam fechadas logo nos primeiros anos de existência.

Mas afinal, o que pode não dar certo? Quais são os principais casos de risco e como superá-los? Veja uma lista completa a seguir!

Risco 1: Demorar para obter o retorno do investimento em franquia

Uma das principais informações que o franqueado deve levar em conta é o tempo de retorno do investimento em franquia. Em média, ele varia de 12 a 24 médias.

No entanto, pode ser que esse período seja maior: é normal ter um início mais lento, mesmo com uma marca consolidada. Portanto, tenha sempre uma reserva de capital para essa situação.

Risco 2: Se deixar levar por vícios de gestão

Ter experiência prévia não é pré-requisito para abrir uma franquia, mas pode ajudar. Entretanto, ter vícios de gestão pode atrapalhar o andamento da nova empresa, que já trabalha sob determinado padrão.

Não se deve, jamais, desrespeitar o modelo franqueador. Ao fechar o contrato, é fundamental estar disposto a cumprir todas as recomendações impostas e se abrir para novas formas de gestão.

investimento em franquia

Risco 3: Não ter uma boa comunicação com o franqueador

Outro risco que pode afetar o negócio é a falta de comunicação com o franqueador. Muitos empreendedores decidem guiar o negócio de determinada maneira e, sem o repasse correto de dados para a empresa, pode haver conflitos.

Para evitar essa questão, é fundamental obedecer a estrutura de comunicação do franqueador. Ele conta com um departamento interno de comunicação? Tem uma empresa especializada para fazer esse intermédio? Esteja em contato, seja qual via for, para reduzir as chances de não falar a mesma língua que a marca.

Risco 4: Incentivar a competição entre unidades

O investimento em franquia não pode dar espaço para a competição entre unidades. Isso é algo comum, em especial quando a demanda fica mais alta.

Não caia nesse jogo. Veja, atentamente, qual é a política de unidades e regiões da marca. Converse a respeito dessa competição e veja qual é a estratégia utilizada pela empresa para que isso nunca aconteça.

Risco 5: Ter medo de investir na franquia

Ter medo de investir em um novo negócio é natural. Mas tente eliminá-lo o quanto antes. Uma franquia é um modelo mais seguro, de fato, mas tem riscos como em qualquer outra área.

Se você se deixa dominar pela insegurança, isso afeta sua equipe, seu controle de capital e a sua administração. Como consequência, a demanda cai e então, não tem jeito: é preciso fechar. Supere isso da melhor forma e invista em tecnologia e conhecimento para inovar, sempre.

Como você pode ver, o investimento em franquia apresenta alguns riscos. Porém, eles são desafios fáceis de enfrentar, então não desanime caso surjam em seu caminho. Com um bom franqueador ao seu lado, as chances de sucesso são muito maiores, com certeza.

Quer conhecer uma oportunidade incrível deste tipo de negócio? Curta a nossa página no Facebook e saiba mais sobre o que fazemos!

Facebook

Login to your account below

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.